Edible City Soluções para um mundo melhor!

O que é o EdiCitNet?

EdiCitNet – um projeto para participar e moldar!!!

Edible Cities Network (EdiCitNet) quer tornar as cidades ao redor do mundo melhores lugares para viver através da implementação de Soluções Agro-Urbanas (SAU), em contexto real e institucional.

As SAU compreendem todas as formas de produção, distribuição e utilização de alimentos urbanos – por exemplo, jardins de bairro, criação de abelhas ou ovelhas em contexto urbano, fachadas verdes ou agricultura de interior de alta tecnologia, eventos de culinária e o uso de alimentos urbanos cultivados localmente em restaurantes. Tais atividades resultam num aumento global do bem-estar através de melhorias nas condições climáticas e de biodiversidade, melhoria da coesão social, apoio à Economia Verde local e manutenção sustentável dos ciclos locais de matérias-primas e recursos em sistemas fechados. Uma contribuição das SAU em todos estes aspectos é, naturalmente, mais benéfica.

Comida não é apenas um tema popular de conversa, ela aproxima pessoas e é transversal a todos.

O Edible Cities Network (EdiCitNet) não é um projeto de investigação normal. Trata-se de uma ação de inovação financiada pela Comissão Europeia (EASME). Isto significa que estamos a trabalhar em condições reais, com pessoas reais, desafios reais e soluções reais. Estamos a testar, demonstrar, orientar e transferir SAU em estreita cooperação com a populações locais desde o início. A dinâmica inclusiva e participativa inerente às SAU promove tanto o crescimento económico local como a coesão social, capacitando as comunidades a reforçar os laços sociais através de, por exemplo, eventos comunitários e criação de novas empresas verdes e oportunidades de emprego em torno da produção, distribuição e usos urbanos de alimentos. O uso sistêmico de paisagens urbanas para a produção de alimentos é um passo importante para cidades mais sustentáveis, habitáveis e saudáveis. Uma infinidade de iniciativas em todo o mundo, por mais fragmentadas que se encontrem, estão a prosperar e a formar um movimento global de Agro-Cidades.

Share This
EdiCitNet